Brasília, 17 de dezembro de 2017
19
out

2

Comentários

Você se considera um “Político”?

19 de outubro, 2008 | Autor: Amauri Nóbrega | Tópicos: Comportamento
Tags: , ,

Calma para aqueles avessos a política. O que quero saber é se você se define como um político ou um diplomata. Existem algumas diferenças entre as duas, agora o que é melhor … ser Político ou Diplomata?

 
Essas duas palavras muitas vezes são vistas como sinônimos, mas eu não participo dessa idéia. Participo da idéia que temos que ser diplomatas e não políticos.

 
O político é mais pejorativo. Quando identificamos uma pessoa como política, o que vem à cabeça, infelizmente, é a imagem dos nossos políticos. Essa fama criada por eles acaba tornando a palavra como uma ofensa. Passa uma imagem de agressividade, arrogância, prepotência e que fará tudo ao seu alcance para conseguir o objetivo desenhado.

 
Já o diplomata passa uma imagem de uma pessoa mais serena, que sabe escutar. Uma pessoa conciliadora, cautelosa, que gosta de harmonia e de paz. É sensível e possui habilidades psíquicas que o ajudam a gerir conflitos com visão de ganha-ganha. A empatia é marca registrada da pessoa diplomata.

 
Você discorda da minha visão? Vamos por um momento deixar um pouco de lado essa discordância e analisar friamente a seguinte situação. Se em uma reunião, você vê que uma pessoa apresentou uma idéia como se fosse dele, entretanto você sabe que a idéia original é de outra pessoa, que é mais introvertida e têm medo de apresentar suas idéias. O que você faria? Se você levou mais de 10 segundos para responder, acredito que está precisando “polir” a sua “diplomacia”.

 
Forte abraço,

 

Amauri Nóbrega


								
x



Compartilhe: Blogblogs Technorati Delicious Facebook

Comentários












2 Comentários
Renata | 20 de outubro de 2008 às 13:30

A minha resposta ao seu comentário no meu blog:
https://www.blogger.com/comment.g?blogID=8913257207106144218&postID=6673413110910667740&page=1

A minha resposta ao seu post: acho que sou diplomata, com certeza. Deixo claro que não sou fã da política e dos “politicamente incorretos”. Mas, a sua questão é muito instigante. É óbvio que eu iria ficar incomodada com a situação e iria defender a verdade, mas coach, uma pergunta: deveria fazê-lo no meio da reunião ou esperar o momento oportuno?

Amauri Nóbrega | 21 de outubro de 2008 às 12:15

Olá Renata,

Qual seria o momento oportuno? A decisão se dará de acordo com suas crenças e valores. O que acredito estar errado é querer dar uma de “super herói” apenas para ficar com a “mocinha” no final. Isso sim é “politicamente incorreto”.

Outro ponto que devemos trabalhar é a confusão que sempre existe entre humildade e submissão.

Forte abraço,

Amauri Nóbrega